22 de novembro de 2017

Marketing e consumismo: entenda essa relação

Ajude o Finanças Forever a crescer ainda mais. Curta e compartilhe nossa página!
marketing-e-consumismo-entenda-essa-relacao
De um lado temos diversas empresas que precisam vender para manter seus negócios. Do outros lado, temos o consumidor que precisa adquirir produtos e serviços, mas que está bem mais exigente e possui diversas opções de escolha. Perceber essa relação entre marketing e consumismo é muito importante para saber organizar as finanças, seja pessoal ou empresarial.
Entender os hábitos de consumo e a influência que eles possuem na sociedade pode ser o pontapé inicial para ter mais organização na vida financeira, saber como reduzir custos com despesas pessoais ou como planejar melhor uma suas aquisições.
Este texto vai lhe ajudar, apresentando sugestões que você deve levar em conta na hora de definir suas prioridades de consumo. Vamos lá?

Definição dos conceitos

Quando falamos em marketing e consumismo, uma das coisas que vem à cabeça é sempre que existe um “vilão” nessa história. Seja anúncios tentadores, que nos incentivam a comprar, ou até mesmo a falta deles, para mostrar quais as melhores opções que temos para economizar.
Por isso, vamos definir os dois conceitos e saber como eles conversam entre si. Acompanhe!

Marketing

De acordo com Philip Kotler, uma das maiores referências desse mercado, o marketing pode ser definido como um processo em que as empresas criam valor para seus clientes e buscam construir um relacionamento ao longo do tempo.
O autor também define como: a ciência e a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer as necessidades de um mercado-alvo com lucro.
O marketing identifica necessidades e desejos não realizados. Ele define, mede e quantifica o tamanho do mercado identificado e o potencial de lucro.

Consumismo

Entendemos como consumo a prática natural e necessária das pessoas, que pode variar da aquisição de produtos básicos de sobrevivência ou itens de desejo e realização pessoal.
Já o consumismo é a prática de comprar em excesso, sem necessidade, ou até mesmo inconscientemente. Sabe aquele arrependimento que você já teve ao chegar em casa com um determinado produto e se perguntar: Por que eu fui comprar isso? Então, isso pode ser um sintoma de ter feito uma compra sem pensar.

Dicas para lidar com marketing e consumismo

É muito comum ouvir que devemos consumir menos, porém de forma mais consciente. Isso não quer dizer que devemos ignorar ações de marketing, mas que é importante ter a consciência sobre a real necessidade de adquirir produtos e serviços que são oferecidos diariamente.
A prática constante de questionar, antes de comprar coisas é um dos principais fatores que você deve ser levado em conta. Mais abaixo, apresentamos algumas dicas que podem ajudar entender melhor essa relação entre o marketing e o consumismo, mas também como você pode lidar com isso no seu dia a dia:
  • Antes de comprar, pergunte a si mesmo: Eu gosto realmente disso? Eu realmente preciso disso? É o momento certo para comprar isso?
  • Pesquise antes de comprar: Isso é fundamental para você não se arrepender depois;
  • Entenda que nem todo anúncio de oferta é para você. Priorize o que é necessário.
  • Evite parcelamentos: dê preferência para pagamentos à vista. O parcelamento, as vezes, é um falsa ilusão de que é tudo barato.
  • Controle suas emoções: as principais causas do consumismo é não resistir aos impulsos e a falta de controle emocional. Estar triste não é motivo para sair comprando tudo. Estar feliz, também não é motivo para esbanjar. Seja racional.
Tenha consciência de que marketing e consumismo estão diretamente ligados às boas práticas e hábitos que você pode fortalecer no seu dia a dia. Isso contribui diretamente para a saúde financeira da sua casa e da sua vida pessoal. Então busque mais informações e “pise no freio”, sempre que o assunto for gastar desnecessariamente.
Gostou do texto? Possui alguma dica que pode ajudar ainda mais? Então, deixe o seu comentário.
Gostou disto? Curta nossa página e compartilhe este conteúdo com seus amigos.
Um comentário

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *