26 de março de 2017

Somente os egoístas e tolos tentam adivinhar topos e fundos das ações

Ajude o Finanças Forever a crescer ainda mais. Curta e compartilhe nossa página!

Os fundos e topos dos gráficos das ações são praticamente impossíveis de serem acertados.

Digo isso porque tenho experiências próprias no mercado de ações e deixei de investir seriamente no inicio tentando adivinhar os fundos e topos dos gráficos, o que me fez gastar muito dinheiro (perdendo dindim) com taxas de compra e venda. Além de ficar mais de horas na frente do computador buscando o melhor momento para comprar e vender ações. A Bolsa de Valores pode lhe ajudar a vencer nos investiemntos, porém tem que diversificar e investir com cautela.

Vou lhes contar uma histórinha bem rápida: Boa leitura!!

José Maria, um apaixonado por investimento a longo prazo, teve uma batalha ganha por seus próprios méritos. José Maria não é uma pessoa pretensiosa, não tem grandes fantasias, ele é sério, respeitoso, e muito inteligente, nordestino, de sangue forte o suficiente para enfrentar intensas emoções.

Certo dia veio até mim me contar uma excelente novidade que estava ocorrendo em sua vida profissional, foi promovido em seu trabalho, conversamos muito neste dia, até que chegamos ao assunto de investimentos.

Me contou sobre seus investimentos com muito orgulho, tinha ganhado muito dinheiro no passado (entre 2000 e 2007), excelentes números, com investimentos agressivos diga-se de passagem, porém passivo, adorava colocar dinheiro mês-a-mês nas mesmas empresas que ele julgava ser as oportunidades do momento (entenda como agressivo, investindo em empresas SmallCaps ou negligenciados).

Ele estava administrando uma conta de investimento particular em torno de $ 1 milhão, é muito investimento para uma pessoa  só. Não vou aqui falar sobre a performance de seus rendimentos. Não é esse o foco.

Subsequentemente ele recebia mensalmente um elevado salário, tinha uma vida absolutamente bem tranquila. Veja bem, ele tinha orgulho disso tudo, não era vaidoso e nem tinha como ele ter vaidade, ele é bruto, “cabra macho”, nordestino.

Eu entendo como uma pessoa orgulhosa, aquela que conta com orgulho suas façanhas.

Um investidor como José Maria é sano o suficiente para administrar altos valores, o emocional conta muito nessa hora, ter a família como base é um ótimo começo.

Uma coisa interessante sobre o nosso personagem, é que ele depois de muitos anos mudou completamente o modo de investir, de investidor a longo prazo passivo, para “position trader”. Se compararmos com religião, ele mudou profundamente de uma denominação religiosa para outra, como estivesse no Catolicismo e fosse convertido ao Judaísmo.

Ele usava análise fundamentalista como “driver” para seus investimentos, algo comparado a  “value” investidor, mas nunca tentando descobrir por si só o fundo de uma ação, agora, em sua maturidade plena, ele dá menos atenção nos fundamentos e esta completamente envolvido como  um “momentum”  investidor.

Ele esta pagando por isso, tem consciência disso, com atenção para o movimento do mercado. Após o “crash” de 2008 esta decidido em acompanhar a tendência do mercado. Mas tem uma coisa boa nisso tudo, ele acompanha as megas tendências, o mercado externo, emergentes, setores e ações individuais, sempre focando nas tendências.

É fácil entender o que ele esta fazendo: ele deixa o mercado dizer para onde vai, em vez dele tentar falar para o mercado as preferências e qual o grupo de ações ele adoraria que estourasse amanhã ou depois.

Se o mercado ou um grupo de ações estão subindo muito rápido, ou mais rápido que o mercado, ele vai introduzir sua análise e investigar o caso. A menos que alguma coisa esteja seriamente errada nos fundamentos da empresa, com o resultado de sua análise ele poderia compra-las ou não.

Comprando-as, ele vai segura-las até as ações começarem a cair de novo, esperando que o mercado lhe fale algo, para então vende-las.

Deste ponto de vista ele nunca compra uma ação individual só porque ela esta barata, nunca tenta adivinhar os fundos e topos.

Ele já me disse o que pensa.

“- Investidores que compram ações em um patamar muito baixo, tentando adivinhar a reversão de tendência, são loucos, estão jogando muito sujo com seu próprio dinheiro e emocional.”

“- Comprar um papel quando ele esta subindo e vendê-lo quando está caindo ou andando de lado, pode ser a saída para o emocional da coisa.”

Como disse antes, não vou dizer números de rentabilidades ou percentagens. Talvez a estratégia adotada pelo José não seja a melhor que existe, porém sua performance é muito boa, mas com uma volatilidade altíssima.

Num encontro posterior a este, ele me mostrou com números uma empresa que ele comprou e segurou por 2 anos, como “position trade” é um tempo longo.

A ação XZY9, uma empresa do setor de calçados. Ele entrou em posição comprada quando o preço estava entre $20,00 e $50,00, como ele compra um pouco todo mês, manteve um preço médio muito bom.

Algum tempo depois, estava a $62,00, e eu como adoro o assunto, estava escutando atenciosamente meu amigo e concentrado no que ele tinha a me dizer.

“- Enquanto esta subindo você deixa  o dinheiro lá, tudo esta uma maravilha, e espera o mercado te dizer algo.”

XZY9 foi até o patamar de $75,00. Então começou a cair, devagar, porém constante. Certo dia teve uma queda acentuada, bateu na casa dos $60,00, e isso já chamava a atenção do meu amigo José.

XZY9 abriu em uma manhã de inverno, quando a venda de calçados não são tão elevadas assim, no patamar de $48,00. José Maria vendeu toda sua posição naquele dia. Nos próximos 2 anos subseqüente a ação chegou a custar $3,00.

“- Somente os egoístas e tolos tentam adivinhar os topos e fundos”,

ele disse com um sorriso no rosto.

E me fez uma pergunta: “- Qual deles você é?”

Como poderíamos saber que $75,00 seria o topo e que $3,00 poderia ser no futuro o fundo?

É preciso levar em conta que esta história não é uma indicação de estratégia a ser utilizada, mas deixa claro que com uma média de preço baixa, investindo passivamente, ele teve um lucro rasoável , e não praticou o tão badalado e antigo “Buy and hold”. Simplesmente acompanhou a tendência. Sobre investimento passivo escrevi e recomendo a leitura do artigo: O que é ETF?

Se você pretende estudar sobre investimentos, desde poupança, fundos imobiliários e introdução ao mercado acionário (Bolsa de Valores), sugiro a leitura do resumo do livro Como Investir Dinheiro, para saber mais sobre o livro Como Investir Dinheiro de Rafael Seabra, clique aqui!

Gostaria de ouvir você. Como está seus investimentos? Já descobriu seu perfil de investidor? Deseja tirar suas dúvidas, escreva na caixa de comentário, ou entre em contato através de e-mail. Fique a vontade!

Um forte abraço a todos e até a próxima.

Gostou disto? Curta nossa página e compartilhe este conteúdo com seus amigos.
2 Comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *