26 de julho de 2017

Controle de gastos: onde seu dinheiro está sendo gasto?

Ajude o Finanças Forever a crescer ainda mais. Curta e compartilhe nossa página!

controle-de-gastos-onde-seu-dinheiro-esta-sendo-gasto

A situação é comum: o mês está longe de acabar, mas parece que o salário todo já saiu da conta. Além do medo de ficar no vermelho, ainda surge a pergunta: para onde o dinheiro está indo? Para ter uma resposta, é preciso ter em mente que um dos passos mais importantes é saber em que categorias do orçamento suas receitas estão sendo usadas.

Nesse sentido, o controle de gastos é ferramenta essencial. Ao anotar entradas e saídas, é possível reavaliar seus custos e identificar as despesas que consomem a maior parte dos recursos. Além disso, você pode otimizar seu orçamento e reduzir gastos supérfluos e desnecessários. Entenda por que o controle de gastos é importante e como praticá-lo:

Sites de controle financeiro

O primeiro passo para controlar os gastos é ter uma ferramenta para anotar todas as receitas e despesas do mês. Uma das mais simples é a utilização de sites de controle financeiro, planilhas também podem te ajudar neste trabalho, mas são um solução muito ultrapassada. Independentemente da metodologia adotada, é essencial criar o hábito de anotar tudo o que entra e o que sai da conta e do cartão de crédito. Além de especificar o valor, não deixe de categorizar as receitas e as despesas.

Identificação das maiores despesas

Ao criar o hábito de anotar todos os seus gastos, por menores que sejam, você tem a possibilidade de reavaliar seus custos e identificar em que categorias estão suas maiores despesas. Moradia, Alimentação e Educação costumam ser as áreas do orçamento em que os gastos são mais altos. O alerta vermelho deve acender, no entanto, se você estiver gastando em categorias que não são prioritárias na sua vida, como Lazer, Bares/Restaurantes e Viagens. Ao ter despesas altas com áreas relacionadas ao estilo de vida, você pode não ter dinheiro suficiente para despesas essenciais.

Redução de gastos supérfluos

Caso identifique que está gastando grande parte das suas receitas com supérfluos, colocar o pé no freio será preciso. Uma forma de conseguir reduzir essas despesas sem perder a qualidade de vida é definir metas de gastos para cada categoria do seu orçamento.

Comece pela despesas essenciais e fixas, como aluguel, mensalidade do colégio, parcela do financiamento do carro etc. Em seguida, parta para os gastos essenciais, mas com valores variáveis, como conta de luz, água etc.

As prioridades financeiras também não podem ficar de fora: reserve parte das suas receitas para criar uma reserva de emergência e para investimentos. Caso tenha dívidas, separe a quantia para quitá-las. Por fim, distribua o que sobrou entre as categorias ligadas ao estilo de vida.

Controle diário

Para descobrir onde seu dinheiro está sendo gasto, é muito importante controlar diariamente as despesas. Não deixe de anotar nenhum valor e se certifique que está conseguindo se manter dentro da meta.

O controle de gastos é passo importante para descobrir para onde seu dinheiro está indo e ter um planejamento financeiro eficiente. Pratique diariamente, mantenha as despesas supérfluas sob controle e use suas receitas para realizar seus objetivos de vida.

Gostou deste conteúdo? Não deixe de compartilhar em suas redes sociais!

Gostou disto? Curta nossa página e compartilhe este conteúdo com seus amigos.

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *