24 de janeiro de 2019

Como investir em moedas?

Ajude o Finanças Forever a crescer ainda mais. Curta e compartilhe nossa página!

Comprar moedas estrangeiras e esperar o momento certo de valorização para vendê-las pode ser um ótimo investimento, se for bem estudado e houver perspicácia do investidor diante do mercado cambiário. Qualquer operação de troca de moeda nacional por dinheiro estrangeiro é chamada de câmbio. E como os valores das moedas estão sempre oscilando, é possível ganhar dinheiro com as aplicações mais certeiras. Que tal entender mais sobre o assunto e ver como investir em moedas?

dolar

Como funciona o investimento em câmbio?

O investimento em moeda estrangeira representa uma aplicação de renda variável, o que se torna uma opção interessante para contrabalançar os investimentos que você tem feito com seu capital em moeda nacional em diferentes créditos, poupança ou ações, por exemplo. Isso é assim porque, entre outros fatores, o valor de uma moeda tem influência direta da inflação do país, já que a maior inflação impõe maior quantidade da moeda nacional para adquirir certo bem ou serviço e a desvaloriza. Quando você compra moeda estrangeira e a inflação de seu país de origem for relativamente mais branda do que a brasileira, depois de algum tempo vai ocorrer a valorização do capital investido e você poderá vender o montante no mercado para readquirir seu dinheiro com lucros.

Quais são as vantagens e os riscos?

O principal proveito de se investir em moeda estrangeira é pegar carona em uma boa variação cambial e ver seu investimento rapidamente dar um bom retorno. Mas, além da compra direta de moeda com instituições especializadas e autorizadas pelos órgãos federais brasileiros, há a possibilidade de aplicar recursos pessoais em variados tipos de fundos cambiais, muitos dos quais são mais seguros e menos voláteis, todos apostando na cotação futura melhor da moeda em tela, em geral o dólar.

O câmbio, em compensação, exige que o investidor fique sempre atento às movimentações da moeda investida em relação à nacional e aos cenários internacionais, visto que, como qualquer ativo de renda variável, este tipo de aplicação oferece riscos de perda de capital mais grave. Se há chances de ganhar bastante dinheiro, também há chances de perder em excesso. A moeda de fora se desvaloriza em relação à nacional quando o país que ela rege passa por alguma crise ou dificuldade interna séria, alterando sua perspectiva inflacionária.

Quem se deve procurar com o objetivo de investir?

Depois que você decide investir em moeda estrangeira, a melhor coisa a se fazer é buscar por bancos, corretoras de valores ou demais instituições financeiras que operem neste mercado. Essas empresas terão os profissionais gabaritados para lhe auxiliar em seus investimentos. Mas vale lembrar que você mesmo deve acompanhar regularmente as cotações do dólar, do euro e da espécie monetária em que investiu. Essas instituições ainda poderão lhe oferecer acesso aos fundos e minicontratos cambiais menos instáveis. Além disso, vale muito a pena que você tenha uma planilha ou software para fazer sua gestão financeira e poder entender e calcular quanto estará ganhando ou perdendo no período.

Agora que você já sabe mais sobre como investir em câmbio, se animou para começar a operar na área? Qual moeda você acha interessante para investir? Deixe uma opinião ou tire dúvidas escrevendo no espaço de comentários!

Gostou disto? Curta nossa página e compartilhe este conteúdo com seus amigos.

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *