24 de julho de 2017

Cartão de crédito ou cartão de débito?

Ajude o Finanças Forever a crescer ainda mais. Curta e compartilhe nossa página!

Eu utilizo os dois! Tanto cartão de crédito como de débito e, aqui vou explicar como pratico esse uso consciente dos cartões.

Deixo claro que a melhor maneira de economizar dinheiro é comprando e efetuando pagamento à vista. Entretanto, saber utilizar os cartões disponíveis é uma forma de se policiar nos gastos pessoais.

CARTÃO DE CRÉDITO CARTÃO DE DÉBITO

Cartão de crédito sendo utilizado de maneira inteligente … ==>>

Quando um estabelecimento não aceita cartão de crédito, sou obrigado a utilizar o cartão de débito. Mas prefiro usar o cartão de crédito sempre que possível. Decidir usar entre o cartão de crédito e o cartão de débito pode ser uma maneira de economizar dinheiro para pagar depois ou ainda um jeitinho de fugir do momento. Com o cartão de débito você pode controlar melhor sua finanças segundo seus limites. E com o cartão de crédito não é diferente, pode também controlar, porém é muito mais difícil e trabalhoso, pois o limite do cartão é o seu limite de novas dívidas.

Já o cartão de débito está relacionado com sua conta bancária, o que torna um pagamento à vista. Pois quando você paga suas compras com cartão de débito, o valor é automaticamente subtraído da sua conta corrente na mesma hora.

Minhas finanças são extremamente controladas através de planilhas financeiras do Excel. Portanto, corto os gastos sempre quando necessito e sei quando posso soltar um pouco a cinto e gastar um pouco mais. Há meses insuportáveis e há outros meses que podemos curtir a vida com mais luxuria.

Enfim, inicio o mês com um limite de gastar até R$ 1.000,00 por mês no cartão de crédito. Uma vez por semana, normalmente de final de semana, entro no site da administradora do cartão para checar meus gastos da fatura do mês vigente. No mesmo momento e, com frequência, confiro para onde está indo meu dinheiro. Muitas vezes meu discuido é com alimentação fora de casa. O que gera um custo adicional, pois comer em casa é muito mais barato e, infinitamente mais saudável se compararmos a qualidade dos alimentos utilizados nessas refeições. Particularmente, também gasto muito com supermercado.

Então, já aproveito o momento para atualizar minha planilha de controle financeiro mensal. É nesse momento que dou uma olhadinha nos gráficos da planilha, onde me mostram para onde está indo meu dinheiro. Alimentação e transporte sã os custos mais elevados da minha rotina diária.

A utilização do cartão de crédito só é válida se você sempre pagar a fatura no valor integral. Nunca, em hipótese alguma, pague o valor mínimo da fatura do cartão de crédito. Os juros do cartão de crédito são os mais abusivos do mercado. São juros altíssimos e depois vai virar uma bola de neve e você não vai conseguir voltar a ter as contas em dia. Veja aqui =} como eliminar as dívidas do cartão de crédito.

Utilizo um cartão de crédito Santander Free, sem anuidade, desde que, faça pelo menos uma compra ao mês. Quem ainda paga anuidade de cartão de crédito, veja esse vídeo tutorial de como reduzir a anuidade do cartão.

Mas nunca o utilizei para pagar contas mensais. Contas, digo, luz, água, IPTU, etc.

Considero essa prática de pagar as contas do mês no cartão de crédito como uma falha. Uma pratica errônea. Muitas vezes, o pessoal que utiliza dessa prática de pagar outras contas com cartão de crédito, não calculou os custos e não sabe quanto está gastando por esse serviço bancário. No blog Valores Reais do meu amigo Guilherme, ele calcula e conta a história direitinho. Leia no artigo: “Bradesco lança serviço de Pague Contas no cartão de crédito“.  Enfim, não vale a pena.

Minhas contas (compras) mensais que costumo pagar no cartão de crédito são: (i) gasolina; (ii) restaurante; (iii) supermercado.

Cartão de crédito da empresa

Possuo outro cartão de crédito que utilizo somente para pagar as contas da empresa. Esse cartão é de outro banco e outra bandeira. Simplesmente para diferenciar na hora de utilizar e porque é mais abrangente a utilização de outra bandeira. Enfim, somente para conforto.

Consigo acumular pontos que depois posso trocar por produtos ou por milhas. Esses pontos eu não teria se pagasse tudo com dinheiro. Meu planejamento financeiro é controlado de maneira simples e ainda ganho alguns pontos extras.

Quem tem um cartão HSBC Premier Mastercard e fez compras a crédito, no cartão, que somaram R$ 1.800,00 entre os meses de Julho/2012 a Agosto/2012, recebeu, além dos pontos decorrentes da utilização normal do cartão, uma bonificação extra de 5.000 pontos Multiplus, que serão creditados, na conta Multiplus do cliente. Esperamos que esse ano de 2013 a promoção aconteça novamente.

Conclusão

Hoje em dia, buscamos uma maneira diferenciada para aprendermos economia de forma simples e efetivamente. Busco sempre ganhar uns trocados extra e alguns pontos ou milhagens nos cartões.

Por favor, não deixe seu nome sujo na praça. Se não sabe como utilizar seu cartão de crédito de forma bacana. Deixe de utilizá-lo e compreenda soa segredos primeiro para depois fazer compras com os cartões. Entretanto, deixo claro que não há uma fórmula ou algum segredo. Apenas curta a ideia de pagar as contas em dia e acumular bônus em forma de pontos, brindes etc.

Abraços e a gente vai conversando. Quer trocar ideia sobre diferentes áreas das finanças pessoais? Me envie mensagens no Twitter ou por e-mail.

Por favor, siga-me no Twitter e Curta a página do blog no Facebook:

 

Gostou disto? Curta nossa página e compartilhe este conteúdo com seus amigos.
5 Comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *