21 de outubro de 2018

4 filmes que vão te ajudar a organizar as finanças!

Ajude o Finanças Forever a crescer ainda mais. Curta e compartilhe nossa página!

4-filmes-que-vao-te-ajudar-a-organizar-as-financas

Organizar as finanças é uma daquelas tarefas que podem fazer uma enorme diferença entre realizar um sonho ou viver fazendo manobras a cada fim de mês para fechar as contas no azul. Afinal, para saber quanto você pode gastar e investir, basta saber como você consome o seu dinheiro ou como ele é empregado.

Seja você pessoa física ou jurídica, organizar as finanças significa fazer um extenso mapeamento do fluxo de dinheiro. No caso da pessoa física, entre despesas fixas, como moradia, alimentação e saúde, e aquelas variáveis, como lazer, é preciso criar mecanismos para que você tenha esse controle e possa poupar, além de criar fundos de emergência.

Numa empresa, organizar as finanças vai além, pois pode ser um passo fundamental para não cometer ilegalidades, como o não pagamento de impostos, tributos e contribuições sociais. Se sua empresa precisa crescer, é hora de fazer as contas e planejar.

Organizar as finanças: onde conseguir informação

Você pode aprender sobre a importância de organizar as finanças em filmes, livros e artigos de especialistas disponíveis em bons sites e blogs na internet. Por meio desses recursos, você tem conhecimento de técnicas, recebe dicas para lidar com seu dinheiro e orientações de investimentos. E essa é uma boa forma de adquirir conhecimento para quem pretende mudar o comportamento em relação ao seu dinheiro.

Para te ajudar, selecionamos quatro filmes que dão dicas valiosas sobre finanças. São obras que tratam do mercado financeiro, do cotidiano e da macroeconomia. Mesmo que alguns temas estejam longe do seu objetivo – como investimento em bolsa –, ter contato com esses filmes certamente lhe darão conhecimento e dicas de como cuidar do seu dinheiro.

Veja os 4 filmes que vão te ajudar a organizar as finanças

Wall Street: o dinheiro nunca dorme

Esse filme foi lançado em 2010, quando o mundo ainda vivia as incertezas da crise financeira de 2008. E hoje, justamente por vivermos uma crise em nível nacional, Wall Street: o dinheiro nunca dorme é uma excelente produção pois permite que analisemos e questionemos o mercado financeiro de 2008 e o atual. Em seu enredo, Gordon Gekko (Michael Douglas) é preso por fraudes financeiras e não pode mais trabalhar na área, mesmo após sua soltura. Para continuar ganhando a vida, ele começa a realizar palestras e a escrever um livro em que critica os posicionamentos hostis do mundo financeiro.

Capitalismo: uma história de amor

É um documentário dirigido por Michael Moore e se centra na crise dos Estados Unidos, de 2007 a 2009, e de como foram os posicionamentos políticos dos presidentes da nação nesse período: George W. Bush e a transição para o mandato de Barack Obama. A obra ainda promove intensos questionamentos acerca das influências das empresas na vida dos americanos e, consequentemente, no restante do mundo.

O homem que mudou o jogo

Orçamento curto e a necessidade de obter resultados positivos. Quem nunca enfrentou uma situação dessa? Nesse filme, o gerente de um time de beisebol precisa montar uma equipe competitiva, mas não tem dinheiro para contratar jogadores consagrados. A solução inovadora foi aplicar estatísticas de desempenho para encontrar jogadores adequados para cada função. Baseado numa história real, o filme mostra a necessidade de pensar diferente para superar obstáculos.

Margin Call: o dia antes do fim

Esse é um drama estrelado por Kevin Spacey e Paul Bettany. Peter Sullivan, vivido por Zachary Quinto, em meio à crise de 2008, descobre informações sobre o mercado financeiro que podem intensificar ainda mais as suas perdas. E, nas vinte e quatro horas do dia seguinte, ele precisa ponderar quais decisões tomar a respeito dessas descobertas, pois percebe que não só o mercado de investimentos dos EUA pode sofrer as consequências, mas também todos os cidadãos da nação.

Agora você já pode escolher qual será o próximo filme a assistir e, para melhorar, ainda pode aprender algumas lições sobre organizar as finanças e mercado financeiro. Não deixe de compartilhar esse post nas suas redes sociais para apresentar essas sugestões aos seus amigos também!

Gostou disto? Curta nossa página e compartilhe este conteúdo com seus amigos.

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *